10 principais motivos que podem estar travando o seu aprendizado do inglês

Sabemos que aprender uma segunda língua dá trabalho, muito trabalho . Adquirir um idioma a um bom nível de comunicação requer a atitude certa, determinação, diligência, motivação, tempo, dinheiro e esforço contínuo por parte do aluno.  Entretanto, mesmo o aluno mais dedicado pode eventualmente encontrar desafios. Listamos abaixo os 10 obstáculos mais comuns e as respectivas recomendações de como superá-los. 

Motivo #1: Você não consegue tempo para estudar
Melhorar suas habilidades em inglês e tornar-
se  fluente” requer tempo. Para ser exato, partindo do básico, você vai precisar de 540 h. para ter uma comunicação eficiente. O ideal seria estudar  por conta própria algo entre 30 e 60 min por semana, mas sabemos que isso pode não ser factível. Se não conseguir estudar, lembre-se que toda e qualquer exposição ao idioma ajuda. (veja Motivo #2)

Motivo #2: Você não consegue aplicar o que aprendeu em situações da vida real.
Aproveite todas as oportunidades para usar o inglês. Você ouve notícias ou rádio em inglês? Você assiste filmes/vídeos americanos? Existem palestras e workshops que você poderia participar que são conduzidos em inglês? Você tem alguns amigos que falam inglês? Ouça o que os outros estão dizendo e internalize o significado das palavras. Você pode prever qual será o resto da(s) frase(s) ou história deles? Se você ouvir expressões diferentes e novo vocabulário, tente aprender o significado. Se você se sentir à vontade para perguntar às pessoas com quem está, pergunte a elas.

Motivo #3: Você não consegue revisar o que aprendeu estudando ou nas situações da vida real para manter o novo idioma.
Existem duas maneiras de transformar a memória de curto prazo em memória de longo prazo: aprendizagem mecânica e aprendizagem através da compreensão. Aprendizagem mecânica significa repetição,  como aprender os fatos de multiplicação ou divisão. Aprender através da compreensão envolve aprender e lembrar por meio da compreensão das relações e conceitos entre as ideias. O que acontece quando você não revisa o que aprendeu?

Após 1 dia 54% das informações são lembradas
Após 1 semana 35% das informações são lembradas
Após 2 semanas 21% das informações são lembradas
Após 3 semanas 18% das informações são lembradas
Após 2 meses 17% das informações são lembradas

Motivo #4: Você depende de sua língua nativa para usar o inglês.
Você somente aprende a falar inglês falando inglês! Você pode tentar pedir explicações em inglês. Novamente, quanto mais você praticar, mais aprenderá e mais rápido adquirirá habilidades de fluência em inglês. Você não pode esperar aprender um segundo idioma se usar seu idioma nativo o tempo todo, pode?

Motivo #5: Você preocupa-se demais com os erros.
Seu objetivo é o sucesso, não a perfeição. Nunca desista do seu direito de errar, porque assim você perderá a capacidade de aprender coisas novas e seguir em frente com sua vida. Você não precisa se concentrar em seus erros. Aprender algo novo sempre envolve erros. Você deve apenas usar o idioma e tentar o seu melhor. Se você estiver trabalhando em uma habilidade específica, você pode focar nessa área para tentar melhorar  (por exemplo, usando uma palavra, frase ou idioma específico do vocabulário; talvez usando um tempo verbal específico)

Motivo #6: Você não entende completamente como, quando e por que usar o novo idioma.
‍É comum querer saber o que uma nova palavra, frase, ou parte do discurso  significa quando você está aprendendo inglês. Mas mais importante do que “o que isso significa” é “quando e como é usado”. Ao aprender inglês no contexto, você está mais apto a entender e usar o que aprendeu de novo e de novo e de novo. E isso constrói habilidades e fluência. Ajuda a construir a autoconfiança e aumentar a motivação.

Motivo #7: Você acha que não precisa aprender inglês afinal.
Comprometimento com o aprendizado é chave. Então, se você precisar usar o inglês (ou seja, para aquela aula ou aquele trabalho, ler aquele livro ou conversar com a pessoa na loja, etc.), seu inglês melhorará. Se você continuar dizendo a si mesmo que quer aprender inglês, mas bloquear esse objetivo mostrando que não pode ou não pode realmente aprender, você não aprenderá.

Motivo #8: Mão na massa
Se você quer realizar algo, você precisa ir atrás disso. O que você está fazendo para se mover nessa direção? Você precisa usar o idioma inglês. Você precisa revisar. Você precisa querer isso para si mesmo e dar passos em direção ao objetivo. Acredite, vai ficar mais fácil. Dê um passo para aprender ativamente a ouvir, falar, ler e escrever.

Motivo #9: Você sente que não pode pagar pois o custo é proibitivo. O preço do aprendizado realmente vale a pena?
Sim essa é uma questão válida no Brasil. Já a abordamos no artigo “Requisito nos processos de seleção“, o inglês está dando o que falar” Se é necessário para a função, se é exigido nos processos de seleção e se é caro (em R$ e tempo) como fica a situação de quem não tem a tão desejada proficiência? O inglês se aprende, o subsídio das empresas para cursos de idiomas é de extrema relevância: a fluência em inglês (e espanhol) é uma questão de competitividade e de acesso ao mercado global, deixando de ser apenas um benefício e cada vez mais se consolidando como um investimento.

Motivo #10: Não encontra  tempo para aprender um novo idioma
Uma alternativa são os cursos online, desde que você tenha disciplina e que aborde as quatro habilidades linguísticas (ler, escrever, ouvir e falar. onde você faz seu horário. Outra opção são as aulas individuais onde tanto a produtividade como o STT – Student Talking Time  (Tempo Efetivo de Fala do Aluno) – são maiores.

Bônus: Depois de aprender o básico, pode parecer difícil notar sua proficiência sem fazer testes.
Sim, isso acontece com muita frequência e é por esse motivo que o diagnóstico de proficiência linguística da *BIRD GEI pode ajudar tanto sua empresa como os colaboradores patrocinados a adotarem um modelo de gestão mais eficaz, reduzir custos, racionalizar os investimentos e utilizar os recursos disponíveis com a maior eficácia possível e com o melhor coeficiente custo/retorno.

Onde encontrar mais informações sobre o aprendizado de idiomas?
BIRD GEI | Consultoria e Gestão de Idiomas  é uma consultoria de gestão de programas de idiomas para empresas. Disponibilizamos artigos com as melhores práticas para que todos os “stakeholders” possam atingir resultados mais eficazes na capacitação em idiomas. O acesso ao conteúdo é direto, não tem publicidade ou pop-ups, é gratuito e está dividido em categorias tornando a navegação mais fácil e eficiente. 

BIRD GEI | Consultoria e Gestão de Idiomas
BENCHMARKING (birdgei.com)
Blog (birdgei.com)

 

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s